domingo, 2 de novembro de 2014

a noite


Anoiteceu

o frio me invadiu

o medo me invadiu

pensei em ti

meu sorriso voltou

estás distante

estás dentro, em mim

teu pulsar

é meu pulsar

a noite te quero

tão minha

a noite te quero

quero te abraçar

me enroscar em teus braços

cruzar  minhas pernas nas tuas

sentir teu corpo

ao meu redor

sentir teu calor

minha boca na tua

tua língua 

tuas carícias

teu prazer, teu êxtase

meu prazer, meu êxtase

nosso prazer, nosso êxtase,

nós simplesmente nós

eu e tu

tu e eu

a noite

ah, noite

vem, te quero.... agora

a noite.


Um comentário:

  1. oi! o blog http://genilais.blogspot.com.br/, que você acompanhava em 2010-2011, virou página! as atualizações estão no endereço https://www.facebook.com/dicionariopoetico/ :) espero poder te ver por lá também. abraço!

    ResponderExcluir